• Photo of ALGARVIANA em 4 DIAS (CASAS BAIXAS-SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES) DIA 2
  • Photo of ALGARVIANA em 4 DIAS (CASAS BAIXAS-SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES) DIA 2
  • Photo of ALGARVIANA em 4 DIAS (CASAS BAIXAS-SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES) DIA 2
  • Photo of ALGARVIANA em 4 DIAS (CASAS BAIXAS-SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES) DIA 2
  • Photo of ALGARVIANA em 4 DIAS (CASAS BAIXAS-SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES) DIA 2
  • Photo of ALGARVIANA em 4 DIAS (CASAS BAIXAS-SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES) DIA 2

Time  11 hours 5 minutes

Coordinates 3365

Uploaded April 30, 2013

Recorded April 2013

-
-
1,726 f
251 f
0
13
26
52.79 mi

Viewed 1293 times, downloaded 35 times

near Casas Baixas, Faro (Portugal)

Aproveitando a primeira aberta, neste chuvoso ano de 2013, dois adeptos do BTT, pertencentes ao clube Fuga da maria, onde por vezes também pedalo, juntaram vontades para fazer este traçado, há muito afamado , mas que pela sua dureza, nem por todos pode ser cumprido.
Por impossibilidade de carácter laboral, só me pude juntar a esta enorme empreitada nos últimos dois dias, dos 4 em que foram cumpridos os cerca de 320 km da Via Algarviana, desde Alcoutim, e os mais de 70 de ligações, que, numa logística rigorosa, conseguiu provar exequível, esta rota em 4 dias, com ligações de, e para Lisboa, incluídas.
Por saber da dureza dos dois primeiros dias, e por ter estado presente nuns finais 200 km, estou completamente habilitado para dar os mais sinceros parabéns a estes "bravos", que cumpriram este projecto na íntegra; - Rui "africano"Dias e José Alexandre Silva, agora intitulado de "A besta trepadeira". A origem do cognome é da responsabilidade do Rui, mas eu assino por baixo. O que foi visto por terras do medronho, não está, de todo, ao alcance de qualquer um. Eu já pedalei com muita gente, e acho que nunca tinha visto tal proeza. Somente possível com muita capacidade técnica e acima de tudo, muita vontade.
Além do salutar convívio e pedalar responsável, a dificuldade do projecto não (n)os deixou mais do que algumas pequenas chances para provar alguns medronhos, ex-libris da região.
Valeu o esforço e algum sofrimento patente no regresso desde Sagres, via Lagos, onde apanhámos o comboio para Vila Real de Santo António, e daí pela estrada, para Alcoutim, em plena noite, em busca o carro.

Mais informação acerca deste trajecto no Blog NezClinas:
http://nezclinas.blogspot.pt/2013/05/algarviana-2013-em-4-dias-alcoutim.html

View more external

Parque de Merendas
Rocha da Pena
Barranco do Velho
Cachopo
Benafim
Pena
Parizes
Castelão
Currais
Casas Baixas
Cortelha
Santa Margarida
Torre
São Bartolomeu de Messines
Alte
Salir

Comments

    You can or this trail