Download

Distance

6.75 mi

Elevation gain

1,424 ft

Technical difficulty

Moderate

Elevation loss

1,424 ft

Max elevation

2,773 ft

Trailrank

80 4.8

Min elevation

1,925 ft

Trail type

Loop

Time

5 hours 21 minutes

Coordinates

3108

Uploaded

May 30, 2021

Recorded

May 2021
  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
Share
-
-
2,773 ft
1,925 ft
6.75 mi

Viewed 1091 times, downloaded 89 times

near Xertelo, Vila Real (Portugal)

VÊ AS NOSSAS FOTOS PARA INSPIRAR A TUA PRÓXIMA AVENTURA
Never Stop Exploring
Caminhantes, trails to inspire your next adventure



PR9 MTR - TRILHO DOS POÇOS VERDES (SETE LAGOAS DE XERTELO)

Trilho inserido em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês, Reserva Mundial da Bioesfera, com inicio e fim na pitoresca aldeia de Xertelo, freguesia de Cabril. Percurso sinalizado com marcações a serem suficientes para a orientação no terreno, segue maioritariamente por carreiros de pastores. Parte do trilho desenrola-se dentro da "Área de Proteção Parcial Tipo II" do PNPG pelo que existem algumas restrições de circulação para grupos com mais de 15 pessoas, neste caso é necessário solicitar autorização ao ICNF.

Estacionamos o carro à entrada de Xertelo, mochilas às costas, seguimos em direção à aldeia, para logo cortar à esquerda em direção ao Cruzeiro da Senhora da Saúde. Optamos por fazer o percurso no sentido dos ponteiros do relógio para evitar a ingreme subida no final do percurso. Assim, fomos visitar o Fojo do Lobo de Xertelo, magnificamente conservado, um notável engenho secular, construído pelas populações e que era utilizado para a captura do lobo ibérico.



A partir daqui, iniciamos a descida até ao Rio Cabril, onde se encontra o denominado Poio das Cabras, local de difícil acesso, escolhido pelos pastores quando era impossível voltar à aldeia, servia de abrigo e protegia as cabras das investidas do Lobo Ibérico. Ainda hoje existe um pequeno abrigo rudimentar para a pernoita.

A travessia do Rio Cabril faz-se a vau, em Porto Novo, sobre grandes blocos graníticos moldados pela água. Com tempo de chuva a travessia do Rio Cabril pode tornar-se difícil, ou mesmo impossível. Atenção! Perigo de escorregar e a queda pode ser complicada, especialmente com o piso molhado.

O percurso segue por um carreiro de pastores, mariolado e que percorre a encosta oposta à levada, na margem direita da Ribeira de Cabril, passando próximo de uma estrutura lendária do Parque Nacional, a Silha dos Ursos de Cadeiró, legitimando a presença do urso por estas terras do Baixo Barroso. Cruzamos várias linhas de água, afluentes da Ribeira de Cabril, como é o caso da Corga do Virtelo e da Corga das Quebradas.

Pouco depois da Corga das Quebradas começamos a descer a encosta até à Barragem, estrutura edificada que antecede os Poços Verdes do Sobroso, lagoas naturais (Piocas) existentes ao longo da linha de água. Estas lagoas naturais são muitas vezes designadas por 7 Lagoas de Xertelo ou Poços Verdes de Cabril ou ainda por Lagoas das Lages dos Infernos. Possuem uma beleza bastante caraterística, tanto pelas lagoas em si como também pelo cenário envolvente, um tanto agreste e remoto. O reverso de todos estes motivos de interesse é que o local por vezes torna-se vítima de algumas formas de turismo de massas, especialmente nos meses de verão.



O solarengo dia convidava a uma longa pausa nas lagoas… aproveitamos as grandes formas rochosas para relaxar ao sol enquanto molhávamos os pés nas águas de uma das lagoas. Vários grupos iam-se distribuído ao longo da Corga do Sobroso, aproveitando as várias lagoas para se banharem. Nem demos pelo tempo passar… mas tudo que é bom acaba! Mochila às costas e lá voltamos ao caminho, subimos agora a encosta da margem esquerda por um amplo caminho florestal, atravessamos, pela ponte, o Ribeiro do Penedo, para pouco depois deixar o caminho florestal e seguir à direita um estreito caminho de pé posto sobre a conduta de água que nos acompanha até Xertelo.

Ao longo do caminho contemplamos uma bela paisagem sobre o Vale de Cabril e da Surreira do Meio-dia, encontramos várias formas graníticas peculiares, passamos pela Fonte de Travassós, onde nos pudemos refrescar. O percurso segue a encosta de Xertelo até ao Cubo de Baixo, visitamos o Moinho do Cubo Vertical, moinho de água construído em granito e com cobertura, de duas águas, em telha, agora restaurado. Aqui efetuava-se a moagem do centeio e do milho, utilizado para confecionar o pão que alimentava todas as casas da aldeia.



Entramos na aldeia, percorremos as ruas que atravessam o casario de Xertelo. Bonito exemplar de arquitetura popular minhota, com as suas casas em granito, com uma envolvência não menos atrativa, de campos de cultivo e vistas para as encostas dos vales da Ribeira de Cabril e do Rio Cávado. Pouco depois estávamos no estacionamento, ponto de inicio e fim deste trilho.


FICHA TÉCNICA
Realização: 29 maio de 2021
Percurso: Xertelo - Poços Verdes do Sobroso - Xertelo
Distancia: 10,9 km
Duração: 5h21min
Tempo em movimento: 2h51min
Tempo parado: 2h30min
Movimento médio: 3,8km/h
Acumulado positivo: 464m
Acumulado negativo: 457m







Se gosta das nossas trilhas adiciona a tua avaliação no final da página.
Obrigado pelo seu comentário e avaliação.

Si te gusta nuestras rutas haz tu propia valoración al final de la página.
Gracias por tu comentario y valoración.

If you like our trails, leave your own review at the end of the page.
Thank you for your comment and review.

A equipa Caminhantes
Waypoint

INICIO/FIM (XERTELO)

Waypoint

CRUZEIRO DA SENHORA DA SAÚDE

Waypoint

FOJO DO LOBO XERTELO

Waypoint

MIRADOURO NATURAL

Waypoint

FONTE

Waypoint

POIO DAS CABRAS (PANORAMA )

Waypoint

RIO CABRIL

Waypoint

RIBEIRA

Waypoint

CORGA DE VIRTELO

Waypoint

RIBEIRA

Waypoint

CORGA DAS QUEBRADAS

Waypoint

BARRAGEM

Waypoint

POÇOS VERDES DE SOBROSO (7 LAGOAS XERTELO)

Waypoint

RIBEIRO DO PENEDO

Waypoint

QUEDA DE ÁGUA

Waypoint

FONTE DE TRAVASSÓS

Waypoint

MOINHO DO CUBO VERTICAL

Waypoint

XERTELO

8 comments

  • Photo of Paulomgs

    Paulomgs May 30, 2021

    I have followed this trail  View more

    O trilho é muito bom. No entanto, a margem direita da Ribeira do Cabril, a mais bonita e desafiante, acarreta algum risco. Na parte do percurso efetuado em rocha nua, com piso molhado ou gelo, poderá tornar-se perigosa.

  • Photo of Caminhantes

    Caminhantes May 31, 2021

    Obrigado pelo comentário e avaliação da trilha. Saudações.

  • Photo of PicosAlpinos

    PicosAlpinos May 31, 2021

    I have followed this trail  View more

    A visita aos Poços Verdes do Sobroso constitui motivo suficiente para realizar o percurso, principalmente em dias quentes, para ir a banhos.

  • Photo of Caminhantes

    Caminhantes May 31, 2021

    Obrigado pelo comentário e avaliação da trilha.

  • Photo of Joao Mirante

    Joao Mirante Jun 7, 2021

    I have followed this trail  View more

    Bonita descrição de um trilho muito interessante! Claro que o ponto alto são as poças verdes!
    Sublinho que com tempo de chuva a travessia da Ribeira de Cabril (km 3,1) pode tornar-se difícil, mas acrescento também que há uma pequena zona de rocha nua e escarpada do lado oeste da Ribeira de Cabril (ao km 3,7). Há portanto o grande perigo de escorregar se houver chuva ou gelo!
    De resto, 5 estrelas!

  • Photo of Caminhantes

    Caminhantes Jun 14, 2021

    Olá João Mirante!
    Obrigado pelo comentário e avaliação da trilha.
    Boas caminhadas.

  • Photo of RixSilveira

    RixSilveira Jul 7, 2021

    I have followed this trail  verified  View more

    Todas as indicações muito precisas. Acredito que é uma trilha melhor para o tempo mais seco porque tem alguns trechos com água que podem incomodar quem não tiver bons calçados.

  • Photo of Caminhantes

    Caminhantes Jul 11, 2021

    Olá RixSilveira!
    Obrigado pelo comentário e avaliação da trilha. Boas caminhadas.

You can or this trail